Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

RIR É BEM MELHOR!!!

A MENTE TAL COMO OS PÁRA-QUEDAS FUNCIONAM MELHOR QUANDO ABERTOS!

A MENTE TAL COMO OS PÁRA-QUEDAS FUNCIONAM MELHOR QUANDO ABERTOS!

DESCOBERTAS

"Descobri" um restaurante onde o prato principal é a conversa com o seu proprietário e não tanto o que vem da cozinha para a mesa (que não desmerece). É o Restaurante Central em São Pedro de Moel, ali quase ao pé do acesso à praia, junto à casa museu Afonso Lopes Vieira.

 

O dono (que exibe dois olhos azuis que fazem a delícia de muitas das suas clientes), ali nascido e criado à mais de meio século, é um cativante contador de histórias e também da história desta vila, povoação muito antiga eventualmente povoada por árabes e também por fenícios no tempo em que Cristo ainda nem sonhava descer à terra!

Há muitos motivos para visitar S.P.Moel e este espaço é seguramente um deles, mais ainda se acreditarem ser a conversa a melhor sobremesa!

4º ENCONTRO

Mal comparado (ou quem sabe, não) a coisa começa a assemelhar-se a uma peregrinaçõn apesar do número dos "peregrinos" ser inconstante e dos locais das romarias não se repetirem.

Sendo um encontro almoçarado à que fazer jus aos ausentes ingerindo sem parcimónia o que nos aprouver, em sua honra e lembrança. E VIVA aos presentes, que também merecem!!!

Ondas em São Pedro de Moel

a mesa das entradasquem fotos tira, fotografado fica

MENTECAPTO*

Na opinião do dicionário da Porto Editora:

* mentecapto, do latim tardio: mente captu,= privado da mente!

1- adjectivo, nome masculino:

1.1- aquele que predeu o uso da razão; alienado.

1.2- tolo, parvo, inepto.

poderá dizer-se, e com toda a razão, que nesta ilustração (copiada de maryvillano.blogspot.com), além de mentecapto também é bêbado; mas isso não está em consonância?

E porque é que escrevo sobre isto? Porque me apetece poderia ser (e é) uma das razões mas também porque estou cansado (leia-se farto) de ouvir repetidamente os discursos mal amanhados dos locutores de serviço nos programas televisivos, quer sobre os gastos telefónicos, (x% + iva) quer sobre os benefícios imaginários daí conseguidos, caso sejam escolhidos alietoriamente pelo computador. Pergunto-me: se (por absurdo) estivessem 30 locutores em serviço simultaneamente, todos teriam que debitar a mesma cantilena? Seria um programa televisivo pouco diversificado e completamente parvo! Esta semana gastei uns €uros no euromilhões (10 apostas + habilitar-me ao milhão semanal) e não me perguntaram se eu tinha a certeza de que poderia gastar "tanto" dinheiro, ou se não seria melhor fazer só uma ou (vá-lá) 2 apostas. Não sei quem nem porquê, alguém considerou que obrigar todos os locutores àquela sistemática repetição de alertas, completamente inócuos, seria uma coisa boa. Posso estar errado mas na minha opinião é obra de 1 mentecapto; (ou mais)!

14 de Outubro, dia mundial do OVO!

15 ovosSoubemos hoje (só hoje) que hoje é o dia mundial do ovo. Evidentemente que o facto causou um enorme alvoroço na capoeira com todas as galinhas a cacarejarem em simultâneo mais os pintos, que mesmo não sabendo o porquê da tanta algazarra, juntaram-se à festa e piaram, piaram, piaram, até mais não poder ouvir tanta piadela. Vai daí pirei-me na procura de algum sossego... Eu e mais estas duas amigas...

O Galo e as suas galinhas(Ovos há muito quem os ponha: todos os pássaros, as patas e as perúas, e até as cobras, as tartarugas e os caracóis; ainda assim não entendo o alarido a coisa. Será porque nunca tenha posto um? Talvez...)

6º ANIVERSÁRIO da MIGAS

Nasci "hoje" em 2010. O hoje foi a 4 de Outubro e não o hoje propriamente dito. Mas o meu tutor anda p'ráí embrulhado com tantas preocupações (diferentes das minhas que se resumem a ter ração e água a tempo e horas e à cama sempre pronta), que quando dá por isso a data das festividades já lá vai...

Esta sou eu, a MigasMas enfim, apesar de desléxico com datas e números e de me assustar algumas vezes quando grita exasperado com a televisão durante os noticiários, vociferando impropérios (cujos significados eu desconheço),  ele até nem é má pessoa. Gosto dele, pronto! A continuar assim por cá vou ficando.

SETE É "O NÚMERO" de SUCESSO

Dizer que a história se repete não é novidade. E também não o é na área da 7ª arte, sobretudo quando se descobre um filão de sucesso (mais ou menos) garantido como, por exemplo: Os 7 Samurais de Akira Kurosawa, de 1954, filme a que (confesso) nunca assiti.

E por isso "os meus 7 Magníficos" são outros; são os de 1960, de John Sturges, que reuniu muitos dos actores que à época eram dos mais "badalados" e que ainda hoje continuam sendo os meus preferidos; (o facto de já terem morrido é irrelevante).

Eis que nova versão acontece,  realizada por Antoine Fuqua. Quero ver e quero não me desiludir porque este (não sendo "O"  tal filme), é um dos filmes "da minha vida."

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D