Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

RIR É BEM MELHOR!!!

A MENTE TAL COMO OS PÁRA-QUEDAS FUNCIONAM MELHOR QUANDO ABERTOS!

A MENTE TAL COMO OS PÁRA-QUEDAS FUNCIONAM MELHOR QUANDO ABERTOS!

OS CARROS DO COSTA

Não sei se é obsessão, se fixação ou se outra qualquer razão é responsável pelo facto mas desde que ele, o Costa, decidiu proibir que os automóveis fabricados antes do ano 2000 circulassem na zona nobre (??) da capital, que ele, o Costa, automóveis em todo o lado; primeiro foi uma jornalista que lhe apareceu detrás de um carro imaginário para inopinadamente lhe fazer uma pergunta e agora aparece-lhe inopinadamente um camarada socialista candidato a presidente da república (detrás do mesmo carro?). Alguém, acessor ou conselheiro, deveria ter o cuidado de lhe dizer, ao Costa, que ele anda a ver carros a mais! E não confundir os virtuais imaginados com os reais.

PROPAGANDA BARATA

Venham! Venham!

Voltem para cá que aqui é agora uma terra plena de oportunidades!

Ouvindo hoje este tipo de afirmações num discurso destinado aos novos desempregados e/ou emigrados, não sei se deva chorar ou se deva rir do que continua sendo uma tristeza; afirma-se que temos os cofres cheios enquanto as pessoas sentem cada dia mais dificuldades e muitas delas sem meios de subsistência, diz-se aos jovens para se multiplicarem apesar da situação de desemprego vigente...

Ocorre perguntar: em que país vivem (têm vivido todos) os nossos governantes?

ilustração copiada de: ultradownlods.com.br

BRINCADEIRAS DO Henriquinho

Frases soltas dos presentes naquela manhã, em Belém, quando o menino Henrique foi brincar aos navegadores no rio Tejo.

Bombordo - foto I

Henrique- o que eu gosto de brincar com barquinhos...

Rei Afonso V- òh Riquinho despacha-te que eu ainda hoje tenho que ir à África.

Pedro Alvares Cabral- é agora?

Vasco da Gama- não sei, o gajo não larga o brinquedo...

Fernão de Magalhães- o que é que eu faço aqui?, vou mas é dar uma volta.

João de Barros- terei mesmo que escrever sobre esta brincadeira?

Bartolomeu Dias- é pá, isto pesa que se farta.

Diogo Cão- a quem tu o dizes...

 Afonso de Albuquerque- acabem lá com isto!, ainda quero almoçar antes de ir para a India.

S.Francisco Xavier- e eu que estou aqui à rasca dos joelhos...

Estibordo - foto II

Ferdinand the Saint- por amor de Deus Henrique, deita o brinquedo ao rio de uma vez.

Henrique- agora é que vai... agora é que vai...

Gil Eanes- em menos tempo passei eu o Bojador e voltei para casa.

Luis de Camões- esta brincadeira não vale 1 peido canto.

Fernão Mendes Pinto- isto não passa de uma grande chinesice.

Peter Duke of Coimbra- this is a big shit

Freis de Carvalho- behave your self sir, isto aqui não são as London docks.

D. Filipa de Lancaster- despacha-te filho que já são horas de almoço e tu sabes bem que o papá não gosta de esperar.

Henrique- agora é que vai... agora é que vai...

...e há anos que estão nisto!

10 COISAS (e meia) ...

... ditas publicamente por um político (no caso um 1º ministro em exercício):

-não podemos ser piegas!

-que se lixem as eleições!

-portugueses: emigrem! (mesmo que agora o negue)

-o desemprego não é uma tragédia; é uma nova oportunidade de emprego!

-o programa de governo grego é um conto de crianças!

-já alguém perguntou aos 900 mil desempregados de que lhes valeu a Constituição até hoje?

-pensei que pagar o contribuição à Seg. Social fosse uma opção!

-(ou pior) ... que não era obrigatório pagar à Seg. Social! (no regime de recibos verdes ou na generalidade?).

-ninguém espere que eu seja um cidadão perfeito! (acrescento eu: mas não é obrigatório ser assim tão cínico).

-eu não disse nada disso, ou... não foi isso que eu quis dizer!

São seguramente bastantes mais os exemplos que poderia expor, alguns outros eventualmente com maior impacto, mas acabou-se-me a paciência para mais pesquisas; serão necessários outros para exemplificar a ligeireza de conceito de um alto dirigente de um país para o desempenho das suas funções?

E todavia a nossa sina não se resume à actualidade. Se fizermos uma retrospectiva percebemos que cada um é pior que o outro.

PEIXES, peixinhos & "pixotes"

Em tempos a amada esposa de um promissor(?) político português afirmou publicamente: se fosse um peixe, o meu marido seria um cherne.

Meses passados o cherne decidiu-se por outros mares de diferente profundidade vindo a revelar-se mais como um carapau de gato, o vulgar jakinzinho, cuja semelhança com um cherne não vai além de terem barbatanas, pois que nem escama têm (os carapaus).

Conclui-se, portanto, que a dita amada esposa não é frequentadora da lota e por isso nada percebe de pescado.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D